Blog Sandoval Filho
Seg, 06 de Fevereiro de 2012 15:18

Apoio decisivo ao advogado paulista

O advogado Antônio Roberto Sandoval Filho faz aqui uma homenagem à CAASP, Caixa de Assistência dos Advogados do Estado de São Paulo, instituição da qual foi diretor de Benefícios no biênio 1991/1992. Sandoval Filho está presente no recém-lançado livro “Uma história de assistência e benefícios à advocacia paulista”, que faz uma retrospectiva dos 75 anos de realizações desta instituição. Leia o artigo.


Publicado em Edição 195
Sex, 27 de Janeiro de 2012 10:40

Apoio decisivo ao advogado paulista

O advogado Antônio Roberto Sandoval Filho faz aqui uma homenagem à CAASP, Caixa de Assistência dos Advogados do Estado de São Paulo, instituição da qual foi diretor de Benefícios no biênio 1991/1992. Sandoval  Filho está presente no recém-lançado livro “Uma história de assistência e benefícios à advocacia paulista”, que faz uma retrospectiva dos 75 anos de realizações desta instituição.

“Não bastam leis para haver Justiça. Não bastam juízes. Dentro do Estado Democrático de Direito, a eficácia da Justiça só pode ser garantida quando houver no processo a atuação do advogado, livre em suas prerrogativas profissionais. Sua presença é garantia de que os direitos e interesses do cidadão serão defendidos contra a ameaça de terceiros.

“Para compreender a importância do advogado, é necessário lembrar que a Justiça brasileira é baseada no “Princípio do Contraditório e da Ampla Defesa”, estabelecido na Constituição Federal, que pode ser definido também pela expressão latina audiatur et altera pars, que significa “ouça-se também a outra parte”.

“E é a atuação do advogado que garante o exercício efetivo do “Princípio do Contraditório”. Daí porque ninguém pode ser processado sem que tenha um advogado para atuar em sua defesa.

“Esta atuação é ainda mais importante quando o cidadão confronta-se no Judiciário com grandes empresas ou grandes instituições. Ao processar uma prefeitura ou um governo do Estado com o objetivo de defender judicialmente seus legítimos direitos e interesses, o cidadão se vê à mercê de uma poderosa máquina, com muita força e enorme capacidade de manobra. Só a atuação do advogado, na defesa deste cliente, é capaz de igualar as forças ou, no mínimo, de equilibrá-las. Na foto à esquerda, José Francisco Fernandez Cruz, Raimundo Hermes Basbosa, Walter Maria Laudisio, Antonio Roberto Sandoval Filho e Agnello Herton Trama.

“O advogado é, no entanto, um profissional que se vê à frente de inúmeras dificuldades decorrentes das características inerentes a sua profissão. A advocacia, todos sabemos, é uma profissão de risco, é uma atividade que se estende no tempo, cujo resultado é incerto. Daí que muitos advogados enfrentam sérias dificuldades para levar à frente a sua vida prática, os seus compromissos de toda ordem.

“Para dar suporte ao advogado, a seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SP) criou em 1935 a CAASP – Caixa de Assistência dos Advogados do Estado de São Paulo. Os 75 anos da Caixa, completados em dezembro passado, foram destacados em um livro de excepcional importância, que registra a longa trajetória de realizações desta honorável instituição.

“Em suas 33 regionais e 185 espaços distribuídos pelo Estado, a CAASP disponibiliza aos 300 mil profissionais inscritos na OAB-SP a necessária assistência, oferecendo planos de saúde, medicamentos a preços de custo, rede médica diferenciada e um Clube de Serviços, que favorece a aquisição de uma série de bens e serviços.

“Tive a honra de participar ativamente da CAASP, como Diretor de Benefícios, na Diretoria do biênio 1991/1992, presidida pelo colega e amigo Walter Maria Laudísio. Da nossa Diretoria participaram também outros advogados de renome, como Ricardo Nicolau, Raimundo Hermes Barbosa, Agnello Herton Trama, Francisco José Fernandes Cruz, José Carlos Paes de Barros Júnior, José Carlos Ferreira Alves e André Santos Novaes. Foi uma gestão profícua, que produziu bons resultados para os associados da CAASP. Na foto à direita, a inauguração do Centro de Diagnósticos Dr. Paulo José da Costa, em 1991.

“É uma satisfação verificar que o livro de 75 anos da CAASP registra nossa presença e nossa atuação, com imagens nas páginas 107 e 112, ao lado de nossos colegas. É um registro de que participamos desta história de lutas e conquistas em favor do advogado e de suas prerrogativas.

“Cumprimento a atual Diretoria da CAASP, presidida pelo colega Fábio Romeu Canton Filho, por esta iniciativa de elevada importância. O registro da história é fundamental para que as novas gerações recebam o bastão das gerações passadas e transmitam este legado de lutas para as gerações futuras.

“Salve a CAASP. Salve a Advocacia e a OAB”.


Antônio Roberto Sandoval Filho



Publicado em Edição 194
Ter, 24 de Janeiro de 2012 10:21

Apoio decisivo ao advogado paulista

O advogado Antônio Roberto Sandoval Filho faz aqui uma homenagem à CAASP, Caixa de Assistência dos Advogados do Estado de São Paulo, instituição da qual foi diretor de Benefícios no biênio 1991/1992. Sandoval Filho está presente no recém-lançado livro “Uma história de assistência e benefícios à advocacia paulista”, que faz uma retrospectiva dos 75 anos de realizações desta instituição.

“Não bastam leis para haver Justiça. Não bastam juízes. Dentro do Estado Democrático de Direito, a eficácia da Justiça só pode ser garantida quando houver no processo a atuação do advogado, livre em suas prerrogativas profissionais. Sua presença é garantia de que os direitos e interesses do cidadão serão defendidos contra a ameaça de terceiros.

“Para compreender a importância do advogado, é necessário lembrar que a Justiça brasileira é baseada no “Princípio do Contraditório e da Ampla Defesa”, estabelecido na Constituição Federal, que pode ser definido também pela expressão latina audiatur et altera pars, que significa “ouça-se também a outra parte”.

“E é a atuação do advogado que garante o exercício efetivo do “Princípio do Contraditório”. Daí porque ninguém pode ser processado sem que tenha um advogado para atuar em sua defesa.

“Esta atuação é ainda mais importante quando o cidadão confronta-se no Judiciário com grandes empresas ou grandes instituições. Ao processar uma prefeitura ou um governo do Estado com o objetivo de defender judicialmente seus legítimos direitos e interesses, o cidadão se vê à mercê de uma poderosa máquina, com muita força e enorme capacidade de manobra. Só a atuação do advogado, na defesa deste cliente, é capaz de igualar as forças ou, no mínimo, de equilibrá-las. Na foto à esquerda, José Francisco Fernandez Cruz, Raimundo Hermes Basbosa, Walter Maria Laudisio, Antonio Roberto Sandoval Filho e Agnello Herton Trama.

“O advogado é, no entanto, um profissional que se vê à frente de inúmeras dificuldades decorrentes das características inerentes a sua profissão. A advocacia, todos sabemos, é uma profissão de risco, é uma atividade que se estende no tempo, cujo resultado é incerto. Daí que muitos advogados enfrentam sérias dificuldades para levar à frente a sua vida prática, os seus compromissos de toda ordem.

“Para dar suporte ao advogado, a seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SP) criou em 1935 a CAASP – Caixa de Assistência dos Advogados do Estado de São Paulo. Os 75 anos da Caixa, completados em dezembro passado, foram destacados em um livro de excepcional importância, que registra a longa trajetória de realizações desta honorável instituição.

“Em suas 33 regionais e 185 espaços distribuídos pelo Estado, a CAASP disponibiliza aos 300 mil profissionais inscritos na OAB-SP a necessária assistência, oferecendo planos de saúde, medicamentos a preços de custo, rede médica diferenciada e um Clube de Serviços, que favorece a aquisição de uma série de bens e serviços.

“Tive a honra de participar ativamente da CAASP, como Diretor de Benefícios, na Diretoria do biênio 1991/1992, presidida pelo colega e amigo Walter Maria Laudísio. Da nossa Diretoria participaram também outros advogados de renome, como Ricardo Nicolau, Raimundo Hermes Barbosa, Agnello Herton Trama, Francisco José Fernandes Cruz, José Carlos Paes de Barros Júnior, José Carlos Ferreira Alves e André Santos Novaes. Foi uma gestão profícua, que produziu bons resultados para os associados da CAASP. Na foto à direita, a inauguração do Centro de Diagnósticos Dr. Paulo José da Costa, em 1991.

“É uma satisfação verificar que o livro de 75 anos da CAASP registra nossa presença e nossa atuação, com imagens nas páginas 107 e 112, ao lado de nossos colegas. É um registro de que participamos desta história de lutas e conquistas em favor do advogado e de suas prerrogativas.

“Cumprimento a atual Diretoria da CAASP, presidida pelo colega Fábio Romeu Canton Filho, por esta iniciativa de elevada importância. O registro da história é fundamental para que as novas gerações recebam o bastão das gerações passadas e transmitam este legado de lutas para as gerações futuras.

“Salve a CAASP. Salve a Advocacia e a OAB”.


Antônio Roberto Sandoval Filho

Visualizado 3824 vezes.


Publicado em Blog Sandoval Filho
SiteLock
+ Recentes + Visitados
A Advocacia Sandoval Filho informa que o recebimento de e-mails estará suspenso entre os dias 17/12/2016 e 8/01/2017 por conta do período de recesso do Escritório.
Pedimos a gentileza de retornar o contato a partir do dia 9/01/2017. Agradecemos a sua compreensão.

fechar